Muitos amigos e familiares comentam sobre morar fora e muitos têm dúvidas simples de como iniciar um processo imigratório ou simplesmente descobrir se seus perfis são compatíveis com vagas internacionais.

 

Pretendo então compartilhar algumas dicas de estratégias e ferramentas de como se localizar no mundo do recrutamento internacional, se conectar com profissionais internacionais e ter informações suficientes para determinar o País destino, o que agiliza um processo considerado difícil por muitos.

Antes de mais nada é necessário estabelecer seu perfil profissional e nível de experiência. Ao criar ou atualizar seu perfil no LinkedIn você consegue ter uma ideia dos cursos que já fez, experiências profissionais e reconhecimentos que por vezes esquecemos. Ao definir seu nível profissional e indústria marcante, é hora de usar a mesma ferramenta para se conectar com profissionais e empresas que possivelmente queiram que você trabalhe com elas.

Antes de sair entrando em todos os grupos e adicionando pessoas aleatórias, é interessante realizar uma pesquisa de mercado de cada cidade. Por exemplo: No Canadá, cada província tem uma necessidade específica, portanto é interessante realizar uma pesquisa de países e cidades onde sua atuação e habilidades profissionais podem ser mais necessários, o que aumenta suas chances de ser contratado, mesmo que remotamente.

Não podemos dizer que ser contratado remotamente é tarefa fácil, mas também não é impossível. Muitos profissionais, já decididos do País para onde querem ir, planejam viagens para conhecer estes Países e determinadas empresas escolhidas previamente através de pesquisa e possíveis contatos via e-mail.  Desta forma os recrutadores conseguem ter uma noção real de suas habilidades e a viagem até lá demonstra grande interesse e determinação, o que sem dúvida se tornam pontos para uma possível contratação. Muitas pessoas usam o CouchSurfing e ou Airbnb (postagens em breve) para eliminar ou reduzir os custos com estadia.

Para realizar pesquisas sobre a indústria mais forte de qualquer País, recomendo primeiramente ferramentas de pesquisa como Google, mas sites mais especializados podem ser mais eficientes como Os grupos do LinkedIn (lista em breve), WikiPediaSua Pesquisa.

Tendo determinado seu País destino, é recomendável que se conecte com profissionais e habitantes de tais Países e ou cidades em sites como fórum dos expatriados ou Expats, onde você encontrará imigrantes, nativos e profissionais morando temporariamente em virtualmente todos os Países do Mundo. Através deste fórum, é possível tirar dúvidas sobre clima, trabalho, hospitalidade e muitas outras. Eu cheguei até a encontrar uma casa para ficar por uns meses até me estabilizar quando fui explorar o Canadá e quando quase fui morar na Rússia.

Obviamente, é muito importante dominar a língua mais falada no seu País-objetivo. Em Países como o Canadá, você pode precisar falar ambos Inglês e Francês. Para isto, você pode entrar em uma escola, praticar a língua online ou encontrar parceiros de estudos.